Buscas - Coleção Digital
    :                                                                                                 Direitos Autorais
PUC-Rio
PUC-Rio
Toolbox E-mail Help Plugins Acessos Area Restrita
 
aba parte esquerda Coleção Digital aba parte direita
aba parte esquerda Sala Virtual aba parte direita
aba parte esquerda Sala de Aula aba parte direita
aba parte esquerda Lab Remoto aba parte direita
aba parte esquerda EMA aba parte direita
aba parte esquerda Projetos Especiais aba parte direita
Aumentar letra Diminuir letra Normal Contraste
 
Maxwell
imagem de espaçamento
  Página Inicial
imagem de espaçamento
  Buscas
imagem de espaçamento
imagem de espaçamento
imagem de espaçamento
imagem de espaçamento
imagem de espaçamento
imagem de espaçamento
imagem de espaçamento
imagem de espaçamento
imagem de espaçamento
imagem de espaçamento
imagem de espaçamento
imagem de espaçamento
imagem de espaçamento
  Estatísticas
imagem de espaçamento
imagem de espaçamento
imagem de espaçamento
imagem de espaçamento
imagem de espaçamento
  Sobre
imagem de espaçamento
rodape do menu


Consulta aos Conteúdos

 

Título: OS GÊNEROS DISCURSIVOS EM LIVROS DIDÁTICOS DE INGLÊS COMO LÍNGUA ESTRANGEIRA: REPRESENTAÇÕES E IMPLICAÇÕES PEDAGÓGICAS
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): SOLIMAR PATRIOTA SILVA
Colaborador(es): LUCIA PACHECO DE OLIVEIRA - Orientador
Catalogação: 06/10/2006 Idioma(s): PORTUGUÊS - BRASIL
Tipo: TEXTO Subtipo: TESE
Natureza: PUBLICAÇÃO ACADÊMICA
Nota: Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]: https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/Busca_etds.php?strSecao=resultado&nrSeq=9113@1
Referência [en]: https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/Busca_etds.php?strSecao=resultado&nrSeq=9113@2
Referência DOI: https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.9113
Resumo:
O objetivo deste estudo é identificar gêneros discursivos (Johns 1997, 2002) em livros didáticos de ensino de inglês destinados a alunos iniciantes, e analisar as suas representações nestes materiais. A partir do pressuposto teórico de que toda comunicação só se faz possível através de algum gênero discursivo (Bakhtin, [1979] 2000; Kress, 1993; Meurer, 2000), nesta dissertação consideramos que o ensino de uma língua estrangeira deve também se basear no desenvolvimento da competência no uso de gêneros (Parâmetros Curriculares Nacionais, 1996). Com foco nestas questões, este trabalho analisa três livros didáticos de inglês de nível iniciante, os quais foram selecionados de acordo com parâmetros relativos à variedade de inglês representada, ao público alvo, ao uso em instituições do Rio de Janeiro, às editoras e datas de publicação. A identificação e análise da freqüência dos gêneros do discurso escrito foram feitas a partir de atividades de leitura e escrita, por estas configuraremse como locais prováveis para sua apresentação nos livros didáticos para ensino de línguas. Os resultados da pesquisa indicam que há poucos gêneros da escrita representados nos livros didáticos de inglês para iniciantes, havendo predominância de tipos textuais (Marcuschi, 2002); além disso, quando estão representados, seu formato ou convenções lingüísticas são, muitas vezes, diferentes do seu uso. Quanto à inclusão dos gêneros em atividades de escrita e leitura, a análise mostrou que eles são mais freqüentes nas últimas, e que nas atividades de escrita têm como função o reforço de pontos gramaticais. Os textos propostos nestas atividades são geralmente compatíveis com o modelo de processamento de escrita baseado apenas na reprodução do conhecimento (knowledge telling), caracterizando-se como textos curtos e simples, sem exigir a transformação do conhecimento (knowledge transforming) (Bereiter & Scardamalia, 1987). Estes resultados indicam que conhecimentos prévios, ligados ao uso de gêneros discursivos em língua materna, são pouco considerados no ensino da língua estrangeira e que o ensino de inglês para iniciantes ainda não tem como foco principal os gêneros discursivos. As implicações pedagógicas desta pesquisa remetem à necessidade de se refletir sobre o papel do livro didático, uma vez que ele é o canal que possibilita que múltiplos gêneros sejam levados à sala de aula. Discute-se também a necessidade de uma atitude críticoreflexiva do professor face ao uso deste livro didático de inglês no ensino de gêneros.
Descrição Arquivo
CAPA, AGRADECIMENTOS, RESUMO, ABSTRACT, SUMÁRIO E LISTAS  PDF
CAPÍTULO 1  PDF
CAPÍTULO 2  PDF
CAPÍTULO 3  PDF
CAPÍTULO 4  PDF
CAPÍTULO 5  PDF
CAPÍTULO 6  PDF
CAPÍTULO 7  PDF
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS E ANEXOS  PDF
<< voltar
Fechar Janela
CONTEÚDO INEXISTENTE.

Buscas no domínio PUC-Rio