INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Estatísticas | Formato DC



Título: EXPERTISE EM TRADUÇÃO PARA LEGENDAGEM: PROCESSAMENTO LINGUÍSTICO E SEGMENTAÇÃO TEXTUAL
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): JOAO ARTUR DA SILVA SOUZA

Colaborador(es):  ERICA DOS SANTOS RODRIGUES - Orientador
Catalogação:  30/11/2016 Idioma(s):  PORTUGUÊS - BRASIL

Tipo:  TEXTO Subtipo:  TESE
Natureza:  PUBLICAÇÃO ACADÊMICA
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=28244@1
Referência [en]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=28244@2
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.28244

Resumo:
Esta dissertação se insere na área de Psicolinguística e está em interface com os Estudos Cognitivos da Tradução. Examina o processo de segmentação textual de legendas no âmbito da investigação sobre a expertise tradutória em Legendagem, uma modalidade de Tradução Audiovisual subexplorada nesse aspecto. Considerou-se, em particular, a segmentação textual entre linhas de uma mesma legenda, uma habilidade com elevado grau de especificidade e indispensável a tradutores dessa área ao produzir uma redação que otimize o processamento nessas condições. Partindo de estudos sobre Expertise em Tradução (Shreve, 2006) e de pesquisas sobre processamento de sentenças, com foco particular na chamada Teoria do Garden-Path (Frazier e Fodor, 1978), foram concebidos dois experimentos envolvendo tradutores aprendizes e experientes, com vistas a avaliar o desempenho dos dois grupos no processo de segmentação textual (experimento 1) e revisão de segmentações (experimento 2), nos dois casos com legendas em Português. Os paradigmas com alta validade ecológica, cujas tarefas experimentais eram compostas de fases reais do trabalho de profissionais da área, foram desempenhados em um software específico de legendagem. Os resultados do experimento 1 indicaram um desempenho superior do grupo de tradutores experientes, o que foi confirmado no experimento 2, favorecendo as hipóteses dos autores de que i) a experiência é fator relevante no processo de segmentação de legendas; ii) tradutores experientes são sensíveis a segmentações que podem comprometer a leitura (sentenças do tipo garden path). As contribuições desta pesquisa são: a caracterização preliminar da expertise em tradução para legendagem e o aprofundamento da discussão sobre a TGP.

Descrição Arquivo
NA ÍNTEGRA  PDF
Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui