INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Estatísticas | Formato DC



Título: O QUE FAZER COM O AUXILIAR DE EDUCAÇÃO INFANTIL?: UM ESTUDO SOBRE AS POLÍTICAS MUNICIPAIS NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): LUCIANA GANDARELA CHAMARELLI

Colaborador(es):  SONIA KRAMER - Orientador
Número do Conteúdo: 21990
Catalogação:  05/09/2013 Idioma(s):  PORTUGUÊS - BRASIL

Tipo:  TEXTO Subtipo:  TESE
Natureza:  PUBLICAÇÃO ACADÊMICA
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=21990@1
Referência [en]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=21990@2
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.21990

Resumo:
Nas décadas de 1970 e 1980 com a pressão da demanda, a urgência do seu atendimento, a omissão da legislação educacional vigente e a difusão da ideologia da educação como compensação de carências levaram a criação de formas alternativas de atendimento onde inexistiam critérios básicos relativos à infraestrutura e à escolaridade das pessoas que lidavam diretamente com as crianças, em geral mulheres, sem formação específica, chamadas de crecheiras, pajens, babás, auxiliares, etc. Entretanto, mesmo com as conquistas legais determinadas pela Constituição de 1988 e pela LDB de 1996 é encontrado nas creches e préescolas de alguns municípios do Estado do Rio de Janeiro atuando ora como docente ora como apoio as atividades do professor um profissional, denominado muitas vezes de auxiliar. A situação desses trabalhadores é pouco estudada, por isso se faz relevante pela necessidade e urgência de se pensar e prezar pela qualidade na Educação Infantil. Diante disso, este estudo se propõe conhecer e analisar a situação dos auxiliares de Educação Infantil nos municípios e de que forma se configuram as políticas municipais para esses profissionais a partir dos responsáveis pela Educação Infantil nas secretarias dos municípios investigados pela pesquisa institucional Educação Infantil e Formação dos Profissionais no Estado do Rio de Janeiro: concepções e ações, realizada entre 2009-2011 pelo grupo de pesquisa Infância, Cultura e Formação (INFOC). Inicialmente é apresentada uma arquitetura histórica da Educação Infantil no Brasil, dialogando com as publicações acadêmicas, pesquisas e políticas públicas nacionais e municipais para compreender o aparecimento do auxiliar nos municípios. Em seguida são abordados os referenciais teórico-metodológicos da dissertação, além do campo empírico da pesquisa. E por último são apresentadas as análises das políticas públicas para os auxiliar através dos discursos dos responsáveis pela Educação Infantil nos municípios investigados.

Descrição Arquivo
CAPA, AGRADECIMENTOS, RESUMO, ABSTRACT, SUMÁRIO E LISTAS  PDF
CAPÍTULO 1  PDF
CAPÍTULO 2  PDF
CAPÍTULO 3  PDF
CAPÍTULO 4  PDF
CAPÍTULO 5  PDF
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS E ANEXOS  PDF
Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui