INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Estatísticas | Formato DC



Título: O TEATRO DO PODER E O TEATRO DO OPRIMIDO: FORMAS DE RESISTÊNCIA E INTERVENÇÃO SOCIAL EM CAIEIRAS VELHAS: ARACRUZ, ES (2006-2011)
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): WILLIAM BERGER

Colaborador(es):  DENISE PINI ROSALEM DA FONSECA - Orientador
Número do Conteúdo: 20477
Catalogação:  27/09/2012 Idioma(s):  PORTUGUÊS - BRASIL

Tipo:  TEXTO Subtipo:  TESE
Natureza:  PUBLICAÇÃO ACADÊMICA
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=20477@1
Referência [en]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=20477@2
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.20477

Resumo:
Esta pesquisa tem por objeto de estudo a intervenção teatral como forma de intervenção social que busque reconhecer formas de resistência social de grupos sociais em situação de subalternidade para valorizá-las, recuperando uma discussão já iniciada no Serviço Social. O objeto empírico tratado é um conjunto de intervenções teatrais realizadas na localidade de Caieiras Velhas, município de Aracruz, ES, entre 2006 e 2011 pelo Teatro do Oprimido, com a participação do autor deste estudo. Na introdução se justifica a utilização da imagem mitológica da Fênix para caracterizar a resistência social do povo indígena Tupiniquim, moradores tradicionais daquele território. Inicialmente se apresenta uma breve reflexão teórica sobre subalternidade a partir dos trabalhos de James Scott, Gayatry C. Spivak e Antônio Gramsci. Para subsidiar a discussão da metodologia da pesquisa se apresenta um panorama da metodologia do Teatro do Oprimido, entrecruzando as cinco categorias dos jogos e exercícios deste método com as categorias teóricas adotadas para definir os sujeitos, o lugar e as pertenças dos subalternos em Caieiras Velhas. A primeira categoria teórica é a de identidade, construída a partir das discussões de Manuela Carneiro da Cunha, Manuel Castells, Stuart Hall e Zygmunt Bauman. A segunda é lugar/territorialidade, e seu pressuposto —território—, compreendida a partir de Yi Fu Tuan, Milton Santos, Rogério Haesbaert e Claude Raffestin. A terceira categoria teórica é resistência social, baseada na concepção de James Scott. A quarta categoria é memória/experiência a partir de Ecléa Bosi, Carlos Rodrigues Brandão e Walter Benjamin. A estruturação do texto parte de uma breve descrição dos moradores da aldeia Tupiniquim Caieiras Velhas. A tematização do estudo foi extraída das intervenções realizadas pelo Teatro do Oprimido naquele território. Com a contribuição da Antropologia se caracteriza o teatro do poder que se deseja conhecer e discutir, situando a metodologia do Teatro do Oprimido neste contexto. Este trabalho tem ênfase nas mulheres do território, com o objetivo de aprofundar o conhecimento das suas atuais formas de resistência à dominação.

Descrição Arquivo
CAPA, AGRADECIMENTOS, RESUMO, ABSTRACT, SUMÁRIO E LISTAS  PDF
CAPÍTULO 1  PDF
CAPÍTULO 2  PDF
CAPÍTULO 3  PDF
CAPÍTULO 4  PDF
CAPÍTULO 5  PDF
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS E ANEXOS  PDF
Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui