$$\newcommand{\bra}[1]{\left<#1\right|}\newcommand{\ket}[1]{\left|#1\right>}\newcommand{\bk}[2]{\left<#1\middle|#2\right>}\newcommand{\bke}[3]{\left<#1\middle|#2\middle|#3\right>}$$
INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Estatísticas | Formato DC|



Título: O CONSUMO DE VINHO NA PÓS-MODERNIDADE: UMA ANÁLISE BASEADA NA ABORDAGEM DA ANTROPOLOGIA DO CONSUMO
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): LUCIANA DE ABREU FREIRE

Colaborador(es):  MARIE AGNES CHAUVEL - Orientador
Número do Conteúdo: 17112
Catalogação:  22/03/2011 Idioma(s):  PORTUGUÊS - BRASIL

Tipo:  TEXTO Subtipo:  TESE
Natureza:  PUBLICAÇÃO ACADÊMICA
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=17112@1
Referência [en]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=17112@2
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.17112

Resumo:
A sensação de súbita popularidade do vinho no Rio de Janeiro é comum. De uns tempos para cá, multiplicou-se o número de revistas especializadas, blogs, sites na Internet, colunas em jornais de grande circulação, cursos e grupos de degustações, lojas, livros e guias de compra de vinho. Uma das conseqüências que pode ser notada em números é o aumento do consumo da bebida no Brasil. De acordo com dados da IBRAVIN – Instituto Brasileiro do Vinho – de 2004 para 2009, a importação de vinhos finos aumentou em 58%. O objetivo desse estudo é lançar um olhar para as significações e representações do vinho por meio de uma abordagem baseada na antropologia do consumo para se entender o aumento de interesse por esse produto nas classes altas do Rio de Janeiro. Compreender a atratividade do vinho para esse público é de grande relevância tanto para academia como para as empresas do setor. Foi realizada uma revisão de literatura sobre a sociedade pós-moderna e suas transformações mais recentes, assim como uma pesquisa de campo qualitativa, que contou com entrevistas em profundidade e com observação participante, para se entender o lugar do vinho no imaginário do consumidor. Ao final, se relacionou essas mudanças da dinâmica social e as significações desse produto para o consumidor pós-moderno para decifrar o aumento da atratividade do vinho. Os resultados sugerem que o vinho representa e significa aspirações que, segundo as teorias sociais, o sujeito pós-moderno tem: a imagem do vinho está associada à sofisticação, ao status, à tradição, à experiência, ao prazer, à cultura e à sociabilidade.

Descrição Arquivo
CAPA, AGRADECIMENTOS, RESUMO, ABSTRACT, SUMÁRIO, LISTA DE QUADROS  PDF
CAPÍTULO 1  PDF
CAPÍTULO 2  PDF
CAPÍTULO 3  PDF
CAPÍTULO 4  PDF
CAPÍTULO 5  PDF
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS E ANEXO  PDF
Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui