INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Estatísticas | Formato DC



Título: FREI CANECA: O IMPÉRIO DA LIBERDADE
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): WALESKA SOUTO MAIA

Colaborador(es):  ILMAR ROHLOFF DE MATTOS - Orientador
Número do Conteúdo: 15312
Catalogação:  02/03/2010 Idioma(s):  PORTUGUÊS - BRASIL

Tipo:  TEXTO Subtipo:  TESE
Natureza:  PUBLICAÇÃO ACADÊMICA
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=15312@1
Referência [en]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=15312@2
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.15312

Resumo:
A dissertação analisa, no período de formação do Império do Brasil como corpo político autônomo, em meados de 1821 a 1825, o caráter polissêmico da linguagem política e a disputa em torno desses significados. O foco do estudo encontra-se no projeto político do carmelita Frei Joaquim do Amor Divino Rabelo Caneca, sinalizando a crítica feita pelo autor ao Imperador e à Corte, sua interlocução junto aos federalistas pernambucanos, e, ainda, a singularidade referente aos seus questionamentos e seu horizonte de expectativas. A partir dos principais escritos políticos de Frei Caneca são recuperados, primeiramente, as experiências que influenciaram o pensamento do autor, suas redes de sociabilidade e a influência de sua formação. Em um segundo momento, a dissertação volta-se para o olhar de Frei Caneca para os debates constitucionalistas, travados na província pernambucana e os conflitos políticos traçados pelo carmelita ao defender princípios envoltos nos conceitos de: Estado, Nação, Pátria e Cidadão. Por fim, analisa-se a aproximação entre o conceito de liberdade de Frei Caneca e a concepção do conceito feita pelos humanistas renascentistas.

Descrição Arquivo
CAPA, AGRADECIMENTOS, RESUMO, ABSTRACT E SUMÁRIO  PDF
INTRODUÇÃO  PDF
CAPÍTULO 1  PDF
CAPÍTULO 2  PDF
CAPÍTULO 3  PDF
CONCLUSÃO  PDF
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS  PDF
Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui