INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Estatísticas | Formato DC



Título: A CIDADE COMO PERSONAGEM: UM ESTUDO SOBRE PASSADO E VANGUARDA NA BUENOS AIRES DO ESCRITOR JORGE LUIS BORGES
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): ALESSANDRO VENTURA DA SILVA

Colaborador(es):  FLAVIA MARIA SCHLEE EYLER - Orientador
Número do Conteúdo: 11526
Catalogação:  10/04/2008 Idioma(s):  PORTUGUÊS - BRASIL

Tipo:  TEXTO Subtipo:  TESE
Natureza:  PUBLICAÇÃO ACADÊMICA
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=11526@1
Referência [fr]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=11526@3
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.11526

Resumo:
Tema desta dissertação, o escritor Jorge Luís Borges nasceu em Buenos Aires, centro político-financeiro e capital da Argentina no ano de 1899. Remontando à aurora de seus escritos, o momento de largada de sua produção literária coincide com um intenso processo modernizador em sua cidade natal. Com efeito, frente a uma Argentina que cresce em escala alarmante, Borges em 1921 e aos 21 anos regressa a Buenos Aires após uma temporada de sete anos em solo europeu. Ao chegar se depara com uma cidade profundamente distinta de quando partiu: aumento populacional, imigração maciça e uma inegável transformação no tecido físico da cidade e dos meios de transportes. Estas novas características faziam parte do impulso modernizante que soprara na capital portenha. Por seu turno, Borges engaja-se nas correntes vanguardistas do período e do seu interior fazia ecoar tanto um tom de franco otimismo acerca das recentes possibilidades de intervenção no panorama literário local, quanto numa clave melancólica, um Fervoroso lamento poético sobre a abrupta transformação de sua cidade Buenos Aires.Esta dissertação tem como objetivo analisar o movimento literário do escritor frente às alterações que permitiram um alcance mais amplo para sua prática vanguardista, assim como refletir sobre o sentimento de perplexidade que se deu em seu retorno, ao perceber uma cidade alterada em seus traços primordiais. Desta forma, o entusiasmo de vanguarda será discutido à luz dos manifestos assinados pelo autor e seus textos programáticos de renovação literária. Quanto a outra postura, será analisada pelo Réquiem produzido por Borges em seu primeiro livro de poemas Fervor de Buenos Aires em que o escritor dá ensejo ao movimento de irrealização de uma realidade percebida como estranha com o fito de realizar seu imaginário.

Descrição Arquivo
CAPA, AGRADECIMENTO, RESUMO, RÉSUMÉ E SUMÁRIO  PDF
CAPÍTULO 1  PDF
CAPÍTULO 2  PDF
CAPÍTULO 3  PDF
CAPÍTULO 4  PDF
CAPÍTULO 5  PDF
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS  PDF
Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui