$$\newcommand{\bra}[1]{\left<#1\right|}\newcommand{\ket}[1]{\left|#1\right>}\newcommand{\bk}[2]{\left<#1\middle|#2\right>}\newcommand{\bke}[3]{\left<#1\middle|#2\middle|#3\right>}$$
INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Estatísticas | Formato DC|



Título: DAVID HUME E HISTÓRIA: UMA ANÁLISE DOS ENSAIOS MORAIS, POLÍTICOS E LITERÁRIOS
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): FLAVIO DA SILVA RIBEIRO

Colaborador(es):  MARCELO GANTUS JASMIN - Orientador
Número do Conteúdo: 9538
Catalogação:  15/02/2007 Idioma(s):  PORTUGUÊS - BRASIL

Tipo:  TEXTO Subtipo:  TESE
Natureza:  PUBLICAÇÃO ACADÊMICA
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=9538@1
Referência [en]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=9538@2
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.9538

Resumo:
A presente dissertação procura compreender algumas reflexões sobre a história contidas nos Ensaios Morais, Políticos e Literários do filósofo escocês David Hume (1711-1776). Neste trabalho (1758), cuja característica dominante é a heterogeneidade dos temas abordados, o autor busca o conhecimento dos assuntos humanos sob uma perspectiva secularizada, mostrando que entre uma idealização da sociedade (e de uma conduta moral dos homens que nela vivem) e sua realidade concreta a escolha para o verdadeiro esclarecimento deve recair sobre esta última, desmistificando quaisquer hipóteses metafísicas e religiosas como guias ao saber. Tomando a Inglaterra como exemplo preferencial não apenas dos avanços conquistados pelo mundo moderno europeu, mas também dos principais problemas deste, Hume estabelece algumas reflexões - tal como a moderação nas disputas políticas e a interdependência econômica entre os países - que têm por objetivo a fundamentação de uma ciência política. Para esta concorre também uma crítica empírica, que levará o escocês a priorizar os aspectos gerais das sociedades (como a economia, as instituições, os avanços técnicos) como modo de explicação da dinâmica histórica, que, segundo sua percepção, opera por transformações lentas e graduais, de forma seqüenciada, nunca ou raramente de maneira abrupta e imediata. Procuramos, além disso, analisar a importância metodológica de sua regra geral para a reflexão histórica, pois, por meio desta regra, Hume faz tanto considerações acerca do passado como propõe observações gerais para sua época e para o futuro, assinalando, desta forma, a maneira como as sociedades se desenvolveram e como elas, provavelmente, se desenvolveriam doravante, almejando o primeiro passo em direção a um conhecimento científico do funcionamento do conjunto social, capaz de permanecer ante as próprias mudanças circunstanciais pelas quais as sociedades naturalmente passam.

Descrição Arquivo
CAPA, AGRADECIMENTOS, RESUMO, ABSTRACT E SUMÁRIO  PDF
CAPÍTULO 1  PDF
CAPÍTULO 2  PDF
CAPÍTULO 3  PDF
CAPÍTULO 4  PDF
CAPÍTULO 5  PDF
CAPÍTULO 6  PDF
BIBLIOGRAFIA  PDF
Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui