INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Estatísticas | Formato DC



Título: USO DO GEORADAR (GPR) EM INVESTIGAÇÕES AMBIENTAIS
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): MICHELLE MATOS DE SOUZA

Colaborador(es):  JOSE TAVARES ARARUNA JUNIOR - Orientador
FRANKLIN DOS SANTOS ANTUNES - Coorientador
CASSIANE MARIA FERREIRA NUNES - Coorientador
Número do Conteúdo: 7719
Catalogação:  31/01/2006 Idioma(s):  PORTUGUÊS - BRASIL

Tipo:  TEXTO Subtipo:  TESE
Natureza:  PUBLICAÇÃO ACADÊMICA
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=7719@1
Referência [en]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=7719@2
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.7719

Resumo:
O presente trabalho tem por objetivo avaliar as potencialidades do método GPR (Ground Penetrating Radar) em investigações de campo que englobam estudos hidrogeológicos, geotécnicos e ambientais. Para o alcance deste objetivo foram realizadas investigações de campo na região sudeste do Brasil procurando verificar a aplicabilidade deste método no conhecimento da subsuperfície. Os estudos englobaram a determinação da estratigrafia do solo identificando suas camadas e respectivas profundidades; a determinação da posição do lençol freático; a localização de estruturas enterradas e a detecção de possíveis anomalias decorrentes de contaminações. As seções obtidas com o GPR permitiram identificar com boa resolução os contrastes bruscos, como a posição do lençol freático e a localização das estruturas enterradas. A identificação dos contatos entre as camadas de solo foi possível quando as propriedades elétricas destes materiais se diferiam bastante. Já no que diz respeito ao mapeamento de regiões contaminadas, ainda se faz necessário à realização de uma maior quantidade de estudos para afirmar a eficiência do GPR para este objetivo. A utilização da técnica da reflectometria no domínio do tempo (TDR) foi muito útil para correlacionar a velocidade de propagação das ondas eletromagnéticas com a profundidade. O seu emprego permitiu aumentar a exatidão da determinação das profundidades dos alvos de interesse.

Descrição Arquivo
CAPA, AGRADECIMENTOS, RESUMO, ABSTRACT, SUMÁRIO E LISTAS  PDF
CAPÍTULO 1  PDF
CAPÍTULO 2  PDF
CAPÍTULO 3  PDF
CAPÍTULO 4  PDF
CAPÍTULO 5  PDF
CAPÍTULO 6  PDF
CAPÍTULO 7  PDF
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS E ANEXOS  PDF
Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui