$$\newcommand{\bra}[1]{\left<#1\right|}\newcommand{\ket}[1]{\left|#1\right>}\newcommand{\bk}[2]{\left<#1\middle|#2\right>}\newcommand{\bke}[3]{\left<#1\middle|#2\middle|#3\right>}$$
INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Formato DC|



Título: EFEITOS DO CO-PROCESSAMENTO DE RESÍDUOS CONTENDO CROMO SOBRE A REAÇÃO DE CLINQUERIZAÇÃO
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): CAROLINA TURON WAGNER

Colaborador(es):  FRANCISCO JOSE MOURA - Orientador
ROBERTO RIBEIRO DE AVILLEZ - Coorientador
Número do Conteúdo: 6137
Catalogação:  21/03/2005 Idioma(s):  PORTUGUÊS - BRASIL

Tipo:  TEXTO Subtipo:  TESE
Natureza:  PUBLICAÇÃO ACADÊMICA
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=6137@1
Referência [en]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=6137@2
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.6137

Resumo:
O presente trabalho surge da crescente preocupação a respeito das práticas de disposição de resíduos industriais de forma a propiciar um desenvolvimento sustentável. A impossibilidade ou falta de opção de tratamento de um determinado resíduo e o desejo de eliminação de um passivo ambiental de risco conduz à escolha de diversas técnicas. Entre elas o co-processamento em fornos de cimento se destaca como um importante recurso a ser utilizado pelas empresas geradoras de resíduos. O co-processamento é a técnica que aproveita as condições operacionais dos fornos de clínquer (matéria-prima básica do cimento) para reciclar resíduos industriais, aproveitando o seu poder calorífico e/ou matérias-primas neles contidas, inerentes ao processo de fabricação normal do cimento. Há a necessidade, no entanto, de compreender com uma maior base científica o impacto de componentes menores no processo de produção do clínquer e nas propriedades do mesmo, tais como a prioridade de se produzir cimento com propriedades equivalentes, o compromisso de diminuir emissões e a garantia de manter a qualidade ambiental do clínquer. O trabalho pretende, portanto, investigar o efeito do cromo - contaminante comumente presente em diversas fontes de resíduos co-processados em fornos de cimento - sobre a cinética da reação de clinquerização e nas fases do clínquer de cimento Portland produzido - C3S-alita, C2S-belita, C3A-aluminato tricálcico e C4AF- ferro aluminato tetracálcico. Para tal, foi incorporado óxido de cromo nas proporções de 0,1%, 0,5% e 1% à farinha e foram realizados os seguintes testes: Fluorescência de Raios-X, Difração de Raios-X, Microscopia Eletrônica de Varredura com o dispositivo de EDS e Análise Térmica Diferencial (DTA). Para avaliar quantitativamente as fases presentes, utilizou-se ainda o Método de Rietveld. Dentre os resultados obtidos, pôde-se observar que a incorporação de cromo à farinha inibe a formação de alita.

Descrição Arquivo
CAPA, AGRADECIMENTOS, RESUMO, ABSTRACT, SUMÁRIO E LISTAS  PDF  
CAPÍTULO 1  PDF  
CAPÍTULO 2  PDF  
CAPÍTULO 3  PDF  
CAPÍTULO 4  PDF  
CAPÍTULO 5  PDF  
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS  PDF  
Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui