$$\newcommand{\bra}[1]{\left<#1\right|}\newcommand{\ket}[1]{\left|#1\right>}\newcommand{\bk}[2]{\left<#1\middle|#2\right>}\newcommand{\bke}[3]{\left<#1\middle|#2\middle|#3\right>}$$
INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Formato DC |



Título: L ARCHITECTURE DE L ART: LE PARADOXE DANS LES MUSÉES D ART MODERNE
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): MARIA CRISTINA NASCENTES CABRAL

Colaborador(es):  JOAO MASAO KAMITA - Orientador
Número do Conteúdo: 5106
Catalogação:  30/06/2004 Idioma(s):  PORTUGUESE - BRAZIL

Tipo:  TEXT Subtipo:  THESIS
Natureza:  SCHOLARLY PUBLICATION
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=5106@1
Referência [fr]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=5106@3
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.5106

Resumo:
Le concept de musée d art moderne est paradoxal. La contradiction consiste dans la coexistence de l institution musée - dont l attribution originelle est de s occuper des objets du passé, destitués de leur contexte originel - avec l art de l actualité. Cette contradiction se trouve dans toutes les sphères institutionnelles et artistiques, augmentant pendant le XXème Siècle avec l apparition du musée d art contemporain. Ce travail analyse l édifice- musée comme l endroit de cette contradiction, à partir de la relation entre les conceptions architecturale et artistique. Dans ce but, se sont analysées des propositions architecturales et muséologues de la première moitié du XXème Siècle, bien que des édifices paradigmatiques de la deuxième moitié du XXème Siècle. Ce sont d abord étudiés le Musée de la croissance ilimitée de Le Corbusier, le Musée pour une petite ville de Mies van der Rohe et le MoMA-NY. Ce sont réalisés des études de cas du Musée Solomon R. Guggenheim de New York, du Mnam, dans le Centre Georges Pompidou, et du Musée Guggenheim de Bilbao.

Descrição Arquivo
COVER, ACKNOWLEDGMENTS, RESUMO, RÉSUMÉ, SUMMARY AND LISTS  PDF  
INTRODUCTION  PDF  
CHAPTER 1  PDF  
CHAPTER 2  PDF  
CHAPTER 3  PDF  
CHAPTER 4  PDF  
CONCLUSION  PDF  
REFERENCES  PDF  
ANNEX  PDF  
ANNEX  PDF  
ANNEX  PDF  
ANNEX  PDF  
Logo maxwell Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui