$$\newcommand{\bra}[1]{\left<#1\right|}\newcommand{\ket}[1]{\left|#1\right>}\newcommand{\bk}[2]{\left<#1\middle|#2\right>}\newcommand{\bke}[3]{\left<#1\middle|#2\middle|#3\right>}$$
INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Estatísticas | Formato DC|



Título: AVALIAÇÃO PROJETADA NO DISCURSO DE CHINESES E DE BRASILEIROS: SIMULACROS CULTURAIS
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): RAFAELA ARAUJO JORDAO RIGAUD PEIXOTO

Colaborador(es):  LIANA DE ANDRADE BIAR - Orientador
Número do Conteúdo: 46786
Catalogação:  10/02/2020 Idioma(s):  PORTUGUÊS - BRASIL

Tipo:  TEXTO Subtipo:  TESE
Natureza:  PUBLICAÇÃO ACADÊMICA
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=46786@1
Referência [en]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=46786@2
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.46786

Resumo:
A pesquisa empreendida baseou-se em entrevistas, realizadas presencialmente no Brasil ou a distância por Skype, e em conhecimento compartilhado, para analisar discursos de brasileiros que convivem ou conviveram com chineses, e de chineses professores de mandarim que moram no Brasil, a fim de investigar a expressividade dialógica decorrente de simulacros culturais, por meio da identificação de elementos de avaliação projetada no discurso de chineses e de brasileiros em relação à cultura da contraparte. Sob a égide dos pressupostos enunciados por Bastos e Biar (2015), Biar (2015), Riessman (2008), Pastor e De Fina (2005), Cortazzi e Jin (2001), Cavan (2006) e Said (1990). Os dados gerados buscaram promover reflexão sobre o processo de avaliação acerca da população chinesa, com base na apreciação de recortes narrativos. Para tanto, foram delimitados como objetivos gerais (a) analisar a projeção identitária refratada no discurso de um grupo de professores chineses no Brasil, em relação à interação com brasileiros, e (b) analisar a projeção identitária refratada no discurso de um grupo de brasileiros, em relação à interação com chineses; e como objetivos específicos (a) identificar recursos macro e microdiscursivos caraterísticos do discurso de migrantes, (b) classificar padrões avaliativos no discurso de chineses e de brasileiros, em narrativas sobre situação de migração e (c) categorizar elementos de simulacros culturais subjacentes às expressividades dialógicas enunciadas. Nesse sentido, o discurso foi examinado com base nos processos de avaliação de Cortazzi e Jin (2001), acerca de avaliação na narrativa, avaliação da narrativa e avaliação por meio da narrativa, a fim de investigar como as identidades foram projetadas. Como resultado, foi observado que o processo avaliativo ocorre sobretudo por meio de modalização, na narrativa, e de forma performática, por meio da narrativa, mediante expectativas interculturais (CAVAN, 2006; SAID, 1990), que geram identidades refratadas.

Descrição Arquivo
NA ÍNTEGRA  PDF
Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui