INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Estatísticas | Formato DC



Título: COLORINDO AS AULAS DE PL2E: O VALOR METAFÓRICO DAS COLOCAÇÕES FORMADAS POR SUBSTANTIVO (MAIS) ADJETIVO DE COR
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): LUCIANA DAMASCENO KREUTZFELD

Colaborador(es):  ROSA MARINA DE BRITO MEYER - Orientador
Número do Conteúdo: 46683
Catalogação:  31/01/2020 Idioma(s):  PORTUGUÊS - BRASIL

Tipo:  TEXTO Subtipo:  TESE
Natureza:  PUBLICAÇÃO ACADÊMICA
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=46683@1
Referência [en]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=46683@2
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.46683

Resumo:
A presente pesquisa identifica e analisa o significado de 25 colocações com cores. As colocações com cores apresentam diferentes significados conforme sejam utilizadas literal ou metaforicamente; este último uso, em particular, pode diferir de forma acentuada em diferentes culturas; para sua compreensão, portanto, torna-se imprescindível considerar o contexto de uso. Avaliando as pistas cotextuais e contextuais que tornam seu sentido metafórico ou não, são analisadas colocações de estrutura substantivo mais adjetivo de cor, e as cores elencadas são amarelo, vermelho, azul, verde, preto e branco. A análise lança mão de pressupostos teóricos do interculturalismo, do funcionalismo e da lexicultura, a fim de se demonstrar que os aspectos semânticos das metáforas de cor podem revelar características culturais do Brasil. Foram coletadas, analisadas e interpretadas cinquenta ocorrências de cada colocação no Brazilian Portuguese Corpus, propondo-se para cada colocação uma fórmula descritiva que inclui: estrutura, ocorrências encontradas, ocorrências consideradas, ocorrências não metafóricas, e metáfora conceitual. Os resultados revelam que o significado literal do substantivo tende a se manter enquanto as cores perdem seu sentido primário, sofrendo um processo de deslexicalização. Além disso, o cotexto e o contexto demonstram-se fundamentais para a construção e interpretação semântica da colocação metafórica.

Descrição Arquivo
NA ÍNTEGRA  PDF
Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui