INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Estatísticas | Formato DC



Título: DESIGUALDADE DE RIQUEZA EM MODELOS COM AGENTES HETEROGÊNEOS: O PAPEL DA ESCOLHA DE PORTIFÓLIO
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): CESAR AUGUSTO MENDONCA ZAMBRANO

Colaborador(es):  EDUARDO ZILBERMAN - Orientador
MARCIO GOMES PINTO GARCIA - Coorientador
Número do Conteúdo: 45736
Catalogação:  10/10/2019 Idioma(s):  INGLÊS - ESTADOS UNIDOS

Tipo:  TEXTO Subtipo:  TESE
Natureza:  PUBLICAÇÃO ACADÊMICA
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=45736@1
Referência [en]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=45736@2
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.45736

Resumo:
Introduzimos escolha de portfólio em um modelo com agentes heterogêneos para avaliar como isso afeta a desigualdade de riqueza. Para tanto, alteramos o modelo de Krusell e Smith (1998), incorporando uma tecnologia de produção com retornos decrescentes de escala, de forma que a firma representativa emite títulos de dívida para levantar capital para produção e depois distribui os lucros (ou prejuízos) para os acionistas. Também fazemos uso de preferências Epstein-Zin para aumentar o equity premium do modelo, aumentando a aversão ao risco dos agentes. O modelo é capaz de replicar fatos estilizados: (i) agentes mais pobres praticamente não participam do mercado de ações; (ii) os agentes investem proporções maiores de suas poupanças em ações, conforme ficam mais ricos; (iii) o retorno esperado da poupança dos agentes aumenta com a riqueza. A desigualdade de riqueza aumenta com a incorporação de escolha de portfólio dos agentes. No entanto, o impacto na desigualdade é pequeno devido ao baixo nível de equity premium gerado pelo modelo. Esse resultado se mantém mesmo quando estabelecemos valores muito altos para a aversão ao risco, e está relacionado à falta de volatilidade de consumo gerada por essa classe de modelos. Finalmente, documentamos que levar em conta decisões endógenas de portfólio potencializa os efeitos de outras fontes de desigualdade.

Descrição Arquivo
NA ÍNTEGRA  PDF
Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui