INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Estatísticas | Formato DC



Título: O CAMPO DO DESIGN E A CONSAGRAÇÃO DAS LOGOMARCAS ESTUDO DA RELAÇÃO ENTRE AS INSTÂNCIAS DE LEGITIMAÇÃO E CONSAGRAÇÃO DO CAMPO DO DESIGN E A LING. GRÁFICA DAS LOGOMARCAS PRODUZIDAS NAS DÉC. DE 60 E 70
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): DEBORAH CHAGAS CHRISTO

Colaborador(es):  ALBERTO CIPINIUK - Orientador
Número do Conteúdo: 4193
Catalogação:  25/11/2003 Idioma(s):  PORTUGUÊS - BRASIL

Tipo:  TEXTO Subtipo:  TESE
Natureza:  PUBLICAÇÃO ACADÊMICA
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=4193@1
Referência [en]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=4193@2
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.4193

Resumo:
Analisando as logomarcas da década de 60 e as logomarcas da década de 90, é possível observar uma mudança nas formas utilizadas. Elementos gráficos valorizados na década de 60, como o uso de formas geométricas, poucas cores e tipografias legíveis, perdem a sua importância na década de 90 e são substituídos por outros, como o uso de imagens complexas, fotografias manipuladas e uma vasta gama de cores. Esta dissertação tem por objetivo analisar os fatores que influenciam e determinam a escolha dos critérios e formas que passam a ser reconhecidos como válidos e acabam caracterizando a linguagem gráfica de uma determinada época. Para isso, foi utilizado como fundamentação teórica o estudo de Pierre Bourdieu sobre o campo da arte, já que, apesar de, aparentemente, o design estar preferencialmente voltado para a indústria, o mercado e a produção em série, algumas das suas posturas parecem sofrer a influência direta do campo da arte. Desse modo, a partir da análise de Pierre Bourdieu, tentou-se criar um paralelo entre o campo da arte e o campo do design, para podermos identificar a participação e a função das diferentes instâncias do campo do design nas tomadas de decisão sobre as formas e critérios gráficos legitimados para uma determinada época. Para fazer essa análise, esta dissertação concentrou-se nas décadas de 60 e 70, utilizando como objeto de estudo as logomarcas produzidas, nesse período, por designers.

Descrição Arquivo
CAPA, AGRADECIMENTOS, RESUMO, ABSTRACT, SUMÁRIO E LISTAS  PDF  
CAPÍTULO 1  PDF  
CAPÍTULO 2  PDF  
CAPÍTULO 3  PDF  
CAPÍTULO 4  PDF  
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS E ANEXOS  PDF  
Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui