INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Estatísticas | Formato DC



Título: EVIDÊNCIAS DE VALIDADE DE UM INSTRUMENTO EXECUTIVO INFORMATIZADO EM CRIANÇAS ESCOLARES
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): RENATA MASSALAI

Colaborador(es):  JESUS LANDEIRA FERNANDEZ - Orientador
EMMY UEHARA PIRES - Coorientador
Catalogação:  23/05/2018 Idioma(s):  PORTUGUÊS - BRASIL

Tipo:  TEXTO Subtipo:  TESE
Natureza:  PUBLICAÇÃO ACADÊMICA
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=33956@1
Referência [en]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=33956@2
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.33956

Resumo:
O uso da tecnologia na avaliação neuropsicológica infantil oferece uma série de facilidades como: otimização do tempo, redução de custo e melhor refinamento da cognição por meio do tempo de reação. No Brasil, esta modalidade avaliativa é escassa, principalmente para medidas executivas na infância. Para suprimir tal demanda, investigaram-se as evidências de validade do instrumento executivo informatizado Jogo das Cartas Mágicas (JCM), composto por três fases: classificação por cor (12 itens), por forma (12 itens) e por cor e forma (24 itens) em 113 crianças de seis a nove anos de idade (M igual a 7,58) e (DP igual a 1,07) sem desenvolvimento atípico, matriculadas em escolas particulares e instituições sociais da zona Norte da cidade do Rio de Janeiro. Além do instrumento JCM, outros foram aplicados: WASI, Stroop, Dígitos da Escala (WISC-IV), Trilhas A B, Fluência verbal e o Inventário (SSRS) para crianças, pais e professores em três encontros de 30 minutos com dias alternados. Realizou-se ANOVA mista para verificar os efeitos idade e sexo nos escores brutos do JCM. Em seguida, Analise Fatorial com método de extração os Componentes Principais e rotação varimax com critério de Kaiser. Os dados revelaram que não houve interação entre as variáveis, porém a analise fatorial resultou em quatro componentes nomeados respectivamente: aspectos executivos, aspectos regulatórios, aspectos atencionais e fluídos. Sugerem-se novas pesquisas com o JCM ampliando a amostragem com faixa etária posteriores e novos protocolos de instrumentos executivos, inclusive computadorizados já validados ao contexto brasileiro para eventuais validades convergentes e de critérios a serem investigadas.

Descrição Arquivo
NA ÍNTEGRA  PDF
Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui