INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Estatísticas | Formato DC



Título: BABIES IN THE ART MUSEUM: PROCESSES, RELATIONS AND DISCOVERIES
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): MARIA EMILIA TAGLIARI SANTOS

Colaborador(es):  MARIA CRISTINA MONTEIRO PEREIRA DE CARVALHO - Orientador
Número do Conteúdo: 31096
Catalogação:  21/08/2017 Idioma(s):  PORTUGUESE - BRAZIL

Tipo:  TEXT Subtipo:  THESIS
Natureza:  SCHOLARLY PUBLICATION
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=31096@1
Referência [en]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=31096@2
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.31096

Resumo:
Based on the analysis of the projects - (i) Naif para Nenéns, of the International Museum of Naive Art in Brazil, in Rio de Janeiro and (ii) No Colo, of the Tomie Ohtake Institute in São Paulo, both developed during the year of 2016 - the present dissertation sought to understand the inclusion of infants in education programs in art museums. Some questions guided this research: What are the proposals developed for the public from zero to three years in the studied institutions? What is the intention of the educators in offering actions for this segment? What strategies were develop for babies to interact with the collection and the other participants? How do babies interact with the activities offered, with their peers and with adults? The methodological resources used were: (i) semistructured interviews with those responsible for the propositions and with accompanying adults of the babies; (ii) observation of the activities; (iii) documentary analysis; (iv) photographies. In its theoretical basis, research was guided by the studies of Child Development, such as Vigotiski and Tomasello, and Aesthetics such as Vecchi. Based on the research and analysis of the practices in question, in dialogue with the theoretical framework adopted, it has been found that contact with artifacts, collective experiences and sensory experimentation proposals can be significant for the socioemotional and cognitive development of infants. The inclusion of this public gives opportunities for new ways of being and thinking about the exhibition spaces, contributing to its democratization and enlargement about the posibilities of mediation.

Descrição Arquivo
COMPLETE  PDF
Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui