INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Estatísticas | Formato DC



Título: ÁGUA OTIMIZADA: IMPACTO DA COMPOSIÇÃO DA ÁGUA INJETADA NO FATOR DE RECUPERAÇÃO DE TESTES DE DESLOCAMENTO EM MEIO POROSO
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): LETICIA BERNI

Colaborador(es):  MARCIO DA SILVEIRA CARVALHO - Orientador
RAPHAEL AUGUSTO MELLO VIEIRA - Coorientador
Número do Conteúdo: 30932
Catalogação:  11/08/2017 Idioma(s):  PORTUGUÊS - BRASIL

Tipo:  TEXTO Subtipo:  TESE
Natureza:  PUBLICAÇÃO ACADÊMICA
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=30932@1
Referência [en]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=30932@2
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.30932

Resumo:
O presente trabalho busca discutir mecanismos em pauta na literatura em relação à injeção de água de salinidade otimizada com os resultados de 10 (dez) testes de escoamento bifásico óleo/água para 2 (dois) cenários carbonatos e 1 (um) arenito. O principal objetivo foi estudar o efeito de íons potencialmente determinantes (Ca, Mg, SO4, NaCl), além da temperatura, no fator de recuperação e curvas de permeabilidade relativa óleo-água. Em relação a carbonatos, avaliou-se se Ca/Mg e SO4 tinham algum papel na alteração da molhabilidade da formação e, em caso positivo, se esse efeito era exacerbado em ambiente de baixa salinidade. Em relação a reservatórios areníticos, comparou-se a injeção de água dessulfatada com água do mar diluída. Dos testes de deslocamento realizados em amostras de arenito, observou-se que água do mar diluída, injetada após água do mar dessulfatada foi capaz de, em média, acrescer o FR em 2,8 por cento e em reduzir o Sor de 2,1 por cento. Quanto ao cenário carbonato A de alta temperatura avaliado (95 graus Celsius), observou-se que água otimizada, quando injetada após água dessulfatada, foi capaz de aumentar o FR em 15,3 por cento e diminuir o Sor em 12,1 por cento. Ainda, quando se introduziu água otimizada de forma secundária, observou-se redução no Sor em 4,6 por cento e aumento do FR em 5,9 por cento quando comparado com a injeção usual de água. No carbonato B, injeção da água otimizada após água dessulfatada levou a um acréscimo de 10,1 por cento no FR e diminuição de 7,1 por cento no Sor. Tanto no cenário arenito quanto nos carbonatos, não houve produção adicional de óleo quando injetado água do mar após a injeção de água otimizada. Isso corrobora a ideia de que o fluido customizado permitiria atingir o máximo de eficiência de deslocamento.

Descrição Arquivo
NA ÍNTEGRA  PDF
Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui