INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Estatísticas | Formato DC



Título: VALIDAÇÃO CLÍNICA DE UMA BATERIA BREVE DE RASTREIO COGNITIVO (BBRC) PARA DIAGNÓSTICO PRECOCE DE DEMÊNCIA DE ALZHEIMER EM CLÍNICA GERIÁTRICA DE HOSPITAL PÚBLICO
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): CRISTINA VIEIRA MIRANDA

Colaborador(es):  HELENICE CHARCHAT FICHMAN - Orientador
Número do Conteúdo: 29047
Catalogação:  06/02/2017 Idioma(s):  PORTUGUÊS - BRASIL

Tipo:  TEXTO Subtipo:  TESE
Natureza:  PUBLICAÇÃO ACADÊMICA
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=29047@1
Referência [en]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=29047@2
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.29047

Resumo:
É um grande desafio, diagnosticar precocemente sinais da doença de Alzheimer. Existem diversos testes de rastreio usados para o diagnóstico de demência, porém sofrem influencias da idade e escolaridade do paciente, o que justifica a validação de ais instrumentos à realidade cultural do país. O presente estudo teve como objetivo, a validação clínica de uma bateria breve de rastreio cognitivo (BBRC) para diagnóstico precoce de demência de Alzheimer de idosos atendidos no ambulatório de geriatria de um hospital público. Métodos: Foram investigados 51 idosos com DA provável (idade média 81.3 (5.7); escolaridade 3.7 (2.8)) e 123 idosos sem demência (idade média 78.6 (7.3); escolaridade 4.7 (3.5)). O desempenho entre os grupos foi comparado utilizando metodologia quantitativa. Os pontos de corte para cada variável foram gerados pela análise das curvas ROC. Resultados: Não houve diferenças significativas entre os grupos nas variáveis escolaridade e gênero, mas houve em relação à idade (p igual 0,01). Participantes com DA provável obtiveram desempenho significativamente pior em todos os testes cognitivos (p menor 0,05) em relação aos sem demência. O grupo com DA apresentou prejuízo pela escala Lawton, no autorrelato e informante (p menor 0,01 e p igual 0,01), porém não foi significativo na escala índice de Katz (p maior 0,01). As análises ROC indicaram que as medidas de memória foram as mais sensíveis para discriminar os grupos. Conclusão: A BBRC foi precisa na identificação de idosos com DA em um ambulatório de geriatria em um hospital federal a partir de uma amostra com fragilidade clínica e cognitiva.

Descrição Arquivo
CAPA, AGRADECIMENTOS, RESUMO, ABSTRACT, SUMÁRIO E LISTA DE FIGURAS  PDF
CAPÍTULO 1  PDF
CAPÍTULO 2  PDF
CAPÍTULO 3  PDF
CAPÍTULO 4  PDF
CAPÍTULO 5  PDF
CAPÍTULO 6  PDF
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS  PDF
Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui