INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Estatísticas | Formato DC



Título: O CURSO DE COMANDO E ESTADO-MAIOR DO EXÉRCITO: CONTEÚDOS E MUDANÇAS APÓS A CRIAÇÃO DO MINISTÉRIO DA DEFESA DO BRASIL
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): CAMILA BRAVO FONTOURA

Colaborador(es):  MARIA CELINA SOARES D ARAUJO - Orientador
Número do Conteúdo: 25906
Catalogação:  09/03/2016 Idioma(s):  PORTUGUÊS - BRASIL

Tipo:  TEXTO Subtipo:  TESE
Natureza:  PUBLICAÇÃO ACADÊMICA
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=25906@1
Referência [en]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=25906@2
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.25906

Resumo:
A presente tese é uma pesquisa sobre o Curso de Comando e Estado-Maior do Exército Brasileiro e tem como objetivo o estudo da formação dos oficiais de carreira bélica do Quadro de Estado-Maior da Ativa e os impactos das políticas de Defesa nos conteúdos e monografias de conclusão do curso, após a criação do Ministério da Defesa. Para isso, foram investigadas as legislações de ensino, os Planos de Disciplinas, os títulos e as palavras-chave das monografias, nos dando uma parte da dimensão de como essa classe militar é formada e uma premissa de como pensam os temas relacionados à Defesa. Constatamos que as Políticas e as Estratégias de Defesa nacionais, bem como as novas conjunturas no campo da segurança e defesa internacional, após a Guerra Fria, estabeleceram mudanças na formação do Estado-Maior do Exército no período de 1999 a 2013. Identificamos as influências das legislações, diretrizes e ações estabelecidas pelo Ministério da Defesa, demonstrando que o Exército não é totalmente refratário e se ajusta, mesmo que lentamente e a seu modo, às transformações exigidas por outros órgãos e pelos eventos externos à instituição. Porém, cabe destacar, que as mudanças afetaram, mas continuam não interferindo na autonomia militar. As mudanças observadas foram protagonizadas pelos próprios militares, que estabelecem os critérios de mudanças de acordo com seus interesses e perspectivas, reafirmando a autonomia institucional. Este trabalho contribui para as discussões sobre o ensino militar brasileiro e sobre quais Forças Armadas desejamos, tendo como contexto o perfil estratégico planejado pelo país e os princípios democráticos.

Descrição Arquivo
NA ÍNTEGRA  PDF
Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui