INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Estatísticas | Formato DC



Título: MOSTRA-ME TUA CASA E TUAS COISAS E TE DIREI QUEM ÉS: UM ESTUDO SOBRE O UNIVERSO MATERIAL DE PESSOAS MAIORES DE 60 ANOS
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): SÍLVIA NOGUEIRA JORDÃO

Colaborador(es):  VERA MARIA MARSICANO DAMAZIO - Orientador
Número do Conteúdo: 25600
Catalogação:  22/12/2015 Idioma(s):  PORTUGUÊS - BRASIL

Tipo:  TEXTO Subtipo:  TESE
Natureza:  PUBLICAÇÃO ACADÊMICA
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=25600@1
Referência [en]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=25600@2
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.25600

Resumo:
Este trabalho é resultado de minha experiência como integrante de equipe de Design de Produção da TV Globo e de minha participação no grupo de estudo sobre Design & Envelhecimento do Laboratório de Pesquisa Aplicada de Design, Memória e Emoção da PUC-Rio. Ele está fundamentado em premissas da Antropologia do Consumo e na ideia de que nosso universo material é a expressão de nossa cultura, crenças, valores, estilos de vida e personalidades e traz o registro de visitas a casas de idosos fictícios e idosos reais. As visitas a idosos da ficção foram realizadas nas casas das personagens Nenê (interpretada pela atriz Marieta Severo), Darlene (interpretada pela atriz Marília Pera), Violeta (interpretada pela atriz Glória Menezes) e Picucha (interpretada pela atriz Fernanda Montenegro). Essas visitas tiveram como base os procedimentos da atividade do Design de Produção que, junto com Cenografia e Figurino, monta a casa e as coisas das personagens a partir de seus respectivos perfis e sinopses. As visitas a idosos reais, por sua vez, foram realizadas na casa de nove moradores na Gávea, bairro da zona sul do Rio de Janeiro, e incluíram técnicas de observação participante e entrevistas etnográficas. Elas tiveram como base o caminho inverso percorrido pela atividade do Design de Produção e buscaram montar os perfis dos idosos reais a partir de suas casas e coisas. Este trabalho foi motivado pelo crescente e irreversível fenômeno do envelhecimento e longevidade populacional e pela constatação de que, apesar de numeroso e diverso o público com mais de 60 anos ainda é tratado como homogêneo. A imagem do velho frágil, doente e dependente e associada a asilos, bengalas, cadeiras de roda e fraldas geriátricas está em processo de mudança, mas ainda é recorrente em conversas, telas e páginas. Neste sentido, este trabalho pretende propor um método para conhecer as pessoas para quem se projeta em geral, e os idosos em particular, a partir de suas casas e coisas. Ele tem como missão contribuir com a construção de uma visão mais positiva, ampla e plural sobre a velhice e seu universo material.

Descrição Arquivo
NA ÍNTEGRA  PDF
Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui