$$\newcommand{\bra}[1]{\left<#1\right|}\newcommand{\ket}[1]{\left|#1\right>}\newcommand{\bk}[2]{\left<#1\middle|#2\right>}\newcommand{\bke}[3]{\left<#1\middle|#2\middle|#3\right>}$$
INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Estatísticas | Formato DC|



Título: UMA ABORDAGEM FLEXÍVEL PARA O MODELO DE CONCORRÊNCIA EM ESTÁGIOS
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): TIAGO LIMA SALMITO

Colaborador(es):  NOEMI DE LA ROCQUE RODRIGUEZ - Orientador
ANA LUCIA DE MOURA - Coorientador
Número do Conteúdo: 25024
Catalogação:  11/08/2015 Idioma(s):  PORTUGUÊS - BRASIL

Tipo:  TEXTO Subtipo:  TESE
Natureza:  PUBLICAÇÃO ACADÊMICA
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=25024@1
Referência [en]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=25024@2
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.25024

Resumo:
O objetivo deste trabalho é explorar e estender a exibilidade provida pelo modelo híbrido de concorrência orientado a estágios, que visa integrar tanto loops de eventos cooperativos como threads preemptivas em um conceito único de mais alto nível. As contribuições deste trabalho estão centradas numa proposta de extensão do modelo de estágios que desacopla a especificação de aplicações concorrentes das decisões relacionadas ao ambiente de execução, permitindo que elas sejam fexivelmente mapeadas em diferentes configurações de acordo com as necessidades de escalonamento de tarefas e granularidade de processamento em partes específicas da aplicação. Procurando prover uma definição adequada para o conceito de modelos de concorrê- ncia híbridos, propomos um sistema de classificação que se baseia na combinação de características básicas de sistemas concorrentes e a possibilidade de execução paralela em múltiplos processadores. Com base nessa classificação, analisamos os benefícios e desvantagens associados a cada modelo de concorrência, justificando a adoção de modelos que combinam threads e eventos em um mesmo ambiente de programação, e descrevemos a extensão do paradigma de programação orientado a estágios. Finalmente, apresentamos a implementação do modelo proposto na linguagem Lua e seu uso em cenários de execução que confirmam os benefícios da extensão do modelo de estágios na especificação de aplicações concorrentes.

Descrição Arquivo
NA ÍNTEGRA  PDF
Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui