INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Estatísticas | Formato DC



Título: HÁ GUARDAS NAS FRONTEIRAS: DISCURSOS E RELAÇÕES DE PODER NA RESISTÊNCIA AO TRABALHO MASCULINO NA EDUCAÇÃO DA INFÂNCIA (RIO DE JANEIRO, 2009-2012)
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): ANA PAULA TATAGIBA BARBOSA

Colaborador(es):  DENISE PINI ROSALEM DA FONSECA - Orientador
Número do Conteúdo: 23939
Catalogação:  28/01/2015 Idioma(s):  PORTUGUÊS - BRASIL

Tipo:  TEXTO Subtipo:  TESE
Natureza:  PUBLICAÇÃO ACADÊMICA
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=23939@1
Referência [en]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=23939@2
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.23939

Resumo:
O ingresso masculino nas creches - território feminino - não passou despercebido: ainda que estas sejam instituições públicas, conversas informais e reuniões com os pais subsidiaram a decisão das mulheres, ocupantes dos cargos de Direção, de introduzirem alterações no cotidiano, afastando, por exemplo, os homens de atividades referente ao cuidado com o corpo das crianças. Essa ocorrência foi uma das inspirações desse trabalho, cujo objetivo geral é compreender as bases que alicerçam a ordem sexo/gênero, analisando os empeços à sua superação. O(s) processo(s) históricos(s) de instituição das relações de gênero, com destaque para a constituição da masculinidade, é o objeto de estudo privilegiado no alcance desse desiderato. A pesquisa qualitativa desenvolvida redundou em visitas a vinte e duas creches de diferentes Coordenadorias Regionais de Educação do Rio de Janeiro e dezenove pessoas foram entrevistadas entre educadores, pais e membros da comunidade do entorno escolar. Com o aporte da análise do discurso, alicerçada na obra de Michel Foucault, os dados coletados são estudados, considerando-se também o legado desse autor para a reflexão sobre as relações de poder estabelecidas no campo da educação da infância. Território é a temática debatida a partir, principalmente, da obra de Claude Raffestin, Milton Santos e Rogério Haesbaert. As análises elaboradas possibilitaram concluir que, a resistência à ousadia desses homens que passaram a desenvolver atividades que socialmente são reconhecidas como femininas, entre outros aspectos, denota uma contraditória defesa da heteronormatividade: ratifica-se por um lado, a rígida demarcação das vivências humanas baseadas na dualidade do gênero, num contexto em que se enaltece as alterações dos padrões que possibilitaram, por exemplo, a inserção maciça das mulheres em diferentes esferas próprias do espaço público.

Descrição Arquivo
CAPA, AGRADECIMENTOS, RESUMO, ABSTRACT, SUMÁRIO, LISTA DE QUADROS  PDF
CAPÍTULO 1  PDF
CAPÍTULO 2  PDF
CAPÍTULO 3  PDF
CAPÍTULO 4  PDF
CAPÍTULO 5  PDF
CAPÍTULO 6  PDF
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS, APÊNDICES E ANEXOS  PDF
Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui