INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Estatísticas | Formato DC



Título: OS PRÉ-SOCRÁTICOS E A PERFORMANCE: SOBRE AS FORMAS DE COMUNICAÇÃO DOS PRIMEIROS FILÓSOFOS GREGOS
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): RAFAEL MONTEIRO HUGUENIN DE CARVALHO

Colaborador(es):  MAURA IGLESIAS - Orientador
Número do Conteúdo: 23919
Catalogação:  23/01/2015 Idioma(s):  PORTUGUÊS - BRASIL

Tipo:  TEXTO Subtipo:  TESE
Natureza:  PUBLICAÇÃO ACADÊMICA
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=23919@1
Referência [en]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=23919@2
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.23919

Resumo:
Essa tese examina o texto dos primeiros filósofos gregos, em especial os textos em fragmentos de Xenófanes e Parmênides. Faz-se necessário destacar que se lidará com os textos porque é muito comum, dado o estado incompleto de seus ipissima verba, os estudiosos tentarem superar as dificuldades de interpretação a partir de fontes secundárias e de interpretações de autores tardios. Deste modo, acabam separando não apenas a forma e o conteúdo de suas mensagens, mas também alienando estas mensagens mesmas dos contextos específicos em que foram emitidas. Para superar estes problemas, abordaremos os fragmentos destes filósofos a partir de seus próprios contextos e das formas específicas de comunicação que utilizaram. Sob esta perspectiva, será demostrado que suas doutrinas procuravam antes depurar e aperfeiçoar a linguagem e a tradição em que estavam inseridos do que oferecer uma reflexão sistemática, ainda que incipiente, sobre os princípios básicos da realidade.

Descrição Arquivo
NA ÍNTEGRA  PDF
Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui