INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Estatísticas | Formato DC



Título: IMPACTO DO PLANEJAMENTO DE VENDAS E OPERAÇÕES NO DESEMPENHO OPERACIONAL DA MANUFATURA
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): ANTONIO MARCIO TAVARES THOME

Colaborador(es):  LUIZ FELIPE RORIS RODRIGUEZ SCAVARDA DO CARMO - Orientador
RUI MANUEL SOUCASAUX MENESES E SOUSA - Coorientador
Catalogação:  29/12/2014 Idioma(s):  INGLÊS - ESTADOS UNIDOS

Tipo:  TEXTO Subtipo:  TESE
Natureza:  PUBLICAÇÃO ACADÊMICA
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=23836@1
Referência [en]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=23836@2
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.23836

Resumo:
Esta tese aborda o tema de Planejamento de Vendas e Operações, designado pelo acrônimo inglês de SeOP (Sales and Operations Planning). Trata-se de um campo recente em Gerência de Operações. SeOP é definido como um processo interfuncional e integrado de planejamento tático e como um conjunto coeso de práticas gerenciais que unificam diferentes planos de negócios (vendas, marketing, desenvolvimento de novos produtos, manufatura, compras e finanças) em um conjunto de planos integrados internamente e na cadeia de suprimentos, com a finalidade de criar valor e impacto no desempenho das empresas. Objetiva equilibrar oferta e demanda em nível de produtos e famílias de produtos, com um horizonte de planejamento que coincide com o ciclo de planejamento estratégico dos negócios. A eficiência do processo é medida e avaliada para melhoria continua. Compreende um conjunto coeso de práticas gerenciais, direcionado a incentivar o alinhamento horizontal (entre funções) e vertical (do plano de negócios a operações), na empresa e na cadeia de suprimentos. O objetivo da tese é duplo: proceder a uma revisão sistemática e abrangente da literatura em SeOP; avaliar o impacto dos processos e das práticas de SeOP no desempenho operacional da manufatura. A revisão bibliográfica sobre SeOP foi feita a partir das bases de dados eletrônicas EBSCO, Emerald e SCIENDIRECT. Ao todo 271 resumos e 55 textos completos foram revistos e classificados em um quadro conceitual de referência, que relaciona variáveis contextuais, de entrada (inputs), objetivos, estruturas e processos, resultados intermediários e resultados finais do SeOP. Foi constatada a ausência de sínteses anteriores da literatura sobre o tema e uma grande disparidade de conceitos e modelos de maturidade do SeOP, que impossibilitaram a análise estatística dos resultados publicados (meta-análise). Uma síntese sistematizada da literatura foi apresentada. Notou-se igualmente que existem poucos artigos científicos rigorosos que demonstrem o impacto das práticas de S&OP no desempenho das empresas. Ainda mais raros são os estudos empíricos baseados em teorias de gerência de operações. A verificação empírica do impacto das práticas de SeOP interno e de integração na cadeia de suprimentos com fornecedores e com clientes foi realizada com modelos de equações estruturais e de regressão múltipla passo a passo. A base de dados da Pesquisa Internacional de Estratégia da Manufatura (IMSS-V), reagrupando 725 empresas de 34 países foi utilizada na análise. A formulação dos modelos baseou-se na teoria de contingência estrutural. O efeito do SeOP (medido pelo coeficiente de regressão) no desempenho operacional da manufatura foi positivo e consistente para as dimensões da qualidade, flexibilidade e entregas, situando-se no intervalo entre 0,26 e 0,36. Contatou-se igualmente que a integração com fornecedores e as tecnologias de processo na manufatura são moderadoras do impacto no desempenho em todas as dimensões de desempenho e que a tecnologia de produtos modera o desempenho em termos de qualidade. Conclui-se que há uma necessidade de aprofundar a agenda de pesquisas com estudos empíricos baseados em teorias de gerência de operações na manufatura em diferentes contextos e indústrias, de estender e aprofundar a análise do SeOP na cadeia de suprimento, assim como de conduzir estudos de casos. A principal implicação prática do estudo resulta dos fatores contingenciais do impacto do SeOP no desempenho. A indústria ganharia a conduzir processos e práticas de SeOP de forma concomitante com a integração com fornecedores na cadeia de suprimento e a adoção de tecnologias de processo e de produtos que sejam adequadas ao ambiente no qual atua.

Descrição Arquivo
NA ÍNTEGRA  PDF
Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui