$$\newcommand{\bra}[1]{\left<#1\right|}\newcommand{\ket}[1]{\left|#1\right>}\newcommand{\bk}[2]{\left<#1\middle|#2\right>}\newcommand{\bke}[3]{\left<#1\middle|#2\middle|#3\right>}$$
INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Formato DC|



Título: NON-PROPAGATING CRACKS EXPERIMENTAL ANALYSIS
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): GUILHERME LIEBERENZ FALLEIROS MARIANTE

Colaborador(es):  JAIME TUPIASSU PINHO DE CASTRO - Orientador
Número do Conteúdo: 23674
Catalogação:  12/11/2014 Idioma(s):  PORTUGUESE - BRAZIL

Tipo:  TEXT Subtipo:  MONOGRAPH
Natureza:  SCHOLARLY PUBLICATION
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=23674@1
Referência [en]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=23674@2
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.23674

Resumo:
Fatigue damage is caused due to pulsing loads that, through sliding bands, create intrusions and extrusions on the material surface. Cracks iniciate on these micro damaged areas. Loads can act on the crack in mode I – traction, mode II – longitudinal shear stress, mode III – transverse shear stress, or in a combination of them. Crack iniciation is controlled by the stress range delta sigma , whereas its propagation is controlled by the stress intensity factor range deltaK. Cracks propagate whenever deltaK is bigger than the crack propagation threshold deltaKth. Short non-propagating cracks do not behave as the long ones. If the stress gradient around the cracks tip is large enough, the crack soon reaches a point where the stress around its tip is no longer big enough to propagate it, thus the crack stops.

Descrição Arquivo
COMPLETE  PDF  
Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui