$$\newcommand{\bra}[1]{\left<#1\right|}\newcommand{\ket}[1]{\left|#1\right>}\newcommand{\bk}[2]{\left<#1\middle|#2\right>}\newcommand{\bke}[3]{\left<#1\middle|#2\middle|#3\right>}$$
INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Estatísticas | Formato DC|



Título: A IDEIA DE HISTÓRIA EM MATIAS AIRES
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): MANNUELLA LUZ DE OLIVEIRA VALINHAS

Colaborador(es):  LUIZ DE FRANCA COSTA LIMA FILHO - Orientador
Número do Conteúdo: 21455
Catalogação:  11/04/2013 Idioma(s):  PORTUGUÊS - BRASIL

Tipo:  TEXTO Subtipo:  TESE
Natureza:  PUBLICAÇÃO ACADÊMICA
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=21455@1
Referência [en]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=21455@2
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.21455

Resumo:
Esta tese propõe-se examinar o livro de Matias Aires intitulado Reflexões sobre a vaidade dos homens, publicado pela primeira vez em 1752. Nesse texto, Matias Aires oferece ao leitor uma visão filosófica do mundo e da História das mais negativas do século XVIII. Ele constrói seu pensamento a partir dos conceitos de vaidade, amor, natureza, sociedade, tempo e movimento, o letrado apresentando que os homens agem movidos pelas paixões, sendo a vaidade a origem de todas elas. Dado caráter lacunar do conhecimento humano, a narrativa da História resulta em uma coleção de eventos sucessivos que não servem ao ensinamento. Sua existência, porém, não é sem sentido ou sem valor, uma vez que ela fornece legitimidade à diferenciação social da nobreza hereditária. A partir da observação dos argumentos desenvolvidos por Matias Aires, investigaram-se as concepções de mundo presentes no pensamento do autor que lhe permitiram construir essa visão específica tanto da História quanto da escrita da História. O estudo das categorias filosóficas de Matias Aires ancora-se no pressuposto de que os conceitos de homem, sociedade e mundo mobilizados pelo autor devem ser compreendidos tendo em vista sua primeira legibilidade e na intenção de repor o significado dessas categorias segundo as funções retóricas em vigência naquele presente histórico.

Descrição Arquivo
NA ÍNTEGRA  PDF
Logo maxwell Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui