INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Estatísticas | Formato DC



Título: PROJETANDO APLICAÇÕES PARA TVDI ATRAVÉS DE STORYBOARDS INTERATIVOS
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): EDUARDO CRUZ ARAUJO

Colaborador(es):  LUIZ FERNANDO GOMES SOARES - Orientador
Número do Conteúdo: 20948
Catalogação:  03/01/2013 Idioma(s):  PORTUGUÊS - BRASIL

Tipo:  TEXTO Subtipo:  TESE
Natureza:  PUBLICAÇÃO ACADÊMICA
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=20948@1
Referência [en]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=20948@2
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.20948

Resumo:
A adoção do middleware Ginga como padrão para a TV digital interativa vem se concretizando tanto no Brasil quanto em boa parte da América Latina. Mesmo assim, as possibilidades criadas pelo padrão ainda são pouco exploradas pelos produtores de conteúdo. Grande parte das aplicações interativas veiculadas atualmente vem se restringindo a aplicações com conteúdos adicionais com pouca ou nenhuma relação com o conteúdo do vídeo principal. Em parte, isso se deve ao fato do produtor de conteúdo não está habituado a pensar na interatividade durante a etapa de planejamento do vídeo principal da aplicação. Este trabalho apresenta uma ferramenta que permite aos autores de aplicações interativas para TV digital projetar suas aplicações por meio de storyboards interativos. Dessa forma, várias alternativas de interação e leiaute podem ser testadas antes mesmo da produção do conteúdo final, e tanto a interatividade quanto o conteúdo do vídeo principal podem ser pensados juntos. Assim, programas interativos mais ricos podem ser produzidos, em que, por exemplo, o telespectador possa decidir o destino de um determinado personagem ou o andamento de um filme. Além disso, uma vez que todo o conteúdo audiovisual foi pensado e produzido, ele pode ser incorporado à ferramenta permitindo ao projetista fazer os últimos ajustes e, por fim, gerar a aplicação final, sem qualquer conhecimento em linguagem de programação.

Descrição Arquivo
CAPA, AGRADECIMENTOS, RESUMO, ABSTRACT, SUMÁRIO E LISTA DE FIGURAS  PDF
CAPÍTULO 1  PDF
CAPÍTULO 2  PDF
CAPÍTULO 3  PDF
CAPÍTULO 4  PDF
CAPÍTULO 5  PDF
CAPÍTULO 6  PDF
CAPÍTULO 7  PDF
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS  PDF
Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui