INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Estatísticas | Formato DC



Título: CUIDADO E FAMÍLIA: UMA ANÁLISE COMPREENSIVA DO MODO DE CAMINHAR A VIDA DOS CUIDADORES DE IDOSOS
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): ELIZA REGINA AMBROSIO

Colaborador(es):  ILDA LOPES RODRIGUES DA SILVA - Orientador
Número do Conteúdo: 20943
Catalogação:  02/01/2013 Idioma(s):  PORTUGUÊS - BRASIL

Tipo:  TEXTO Subtipo:  TESE
Natureza:  PUBLICAÇÃO ACADÊMICA
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=20943@1
Referência [en]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=20943@2
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.20943

Resumo:
Esta tese tem como proposta proceder a uma análise compreensiva dos modos de caminhar a vida dos cuidadores dos idosos assistidos no Setor de Geriatria do Hospital Universitário da UFRJ. Os idosos são entendidos como aqueles com dependência total ou parcial e que por isso necessitam de cuidados. Os cuidadores são aquelas pessoas da família que ofertam cuidados a esses idosos. E, cuidado é o modo encontrado para definir dedicação, zelo, carinho, observação. O pressuposto é que esses cuidadores têm sua capacidade de cuidar diminuída por perderem o controle em função da sobrecarga de trabalho, foi apreendido que não contam com a solidariedade da família nem com o apoio do poder público na medida em que não há políticas públicas relacionadas ao cuidado domiciliar e ao cuidador familiar. O objeto é o mundo da vida dos cuidadores, e, neste, todas as circunstâncias que perpassam ou podem perpassar essa vida diante do cotidiano do cuidado, compreendido como um das tarefas mais estressantes quando circunscrito no universo das doenças do idoso, notadamente aquele que se dá em função das doenças que provocam o déficit cognitivo. Para compreender esse mundo da vida foram utilizados dois modos de obtenção de informações, a entrevista e o grupo focal. Participaram das entrevistas doze sujeitos e das reuniões sessenta e seis. Foram utilizadas questões orientadoras para as entrevistas e as sessões grupais. Aqui empregamos como método de conhecimento a pesquisa qualitativa. Utilizou-se o método compreensivo de análise, onde as narrativas forneceram a teia para se tecer a compreensão do modo de caminhar a vida desses cuidadores, modo este que precisa ser transformado para melhorar a qualidade do cuidado que é oferecido e a segurança daquele que recebe. A pesquisa revelou que a problemática que envolve os cuidadores traz novos elementos para pensar o papel dos mesmos na sociedade, mostrou que os cuidadores familiares constantemente se viram diante de múltiplos desafios, foi revelado por meio das narrativas o quanto os cuidadores são estressados, pelo acúmulo do trabalho doméstico com o cuidado, pois nunca descansam, não têm tempo para cuidar de si, estão sempre impossibilitados para um momento de lazer. A pesquisa mostrou que a ausência de instituições para acolhida às pessoas que demandam por cuidados faz com que a responsabilidade máxima incida sobre a família e, geralmente, sobre um dos seus componentes, que geralmente pertence ao sexo feminino.

Descrição Arquivo
CAPA, AGRADECIMENTOS, RESUMO, ABSTRACT, SUMÁRIO E LISTA DE ABREVIATURAS  PDF
CAPÍTULO 1  PDF
CAPÍTULO 2  PDF
CAPÍTULO 3  PDF
CAPÍTULO 4  PDF
CAPÍTULO 5  PDF
CAPÍTULO 6  PDF
CAPÍTULO 7  PDF
CAPÍTULO 8  PDF
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS E ANEXOS  PDF
Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui