$$\newcommand{\bra}[1]{\left<#1\right|}\newcommand{\ket}[1]{\left|#1\right>}\newcommand{\bk}[2]{\left<#1\middle|#2\right>}\newcommand{\bke}[3]{\left<#1\middle|#2\middle|#3\right>}$$
INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Estatísticas | Formato DC|



Título: TEST-DRIVEN MAINTENANCE: AN APPROACH FOR THE MAINTENANCE OF LEGACY SYSTEMS
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): OTÁVIO ARAUJO LEITÃO ROSA

Colaborador(es):  ARNDT VON STAA - Orientador
Número do Conteúdo: 18385
Catalogação:  29/09/2011 Idioma(s):  PORTUGUESE - BRAZIL

Tipo:  TEXT Subtipo:  THESIS
Natureza:  SCHOLARLY PUBLICATION
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=18385@1
Referência [en]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=18385@2
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.18385

Resumo:
Test-Driven Development is a software development technique based on quick cycles that switch between writing tests and implementing a solution that assures that tests do pass. Test-Driven Development has produced excellent results in various aspects of building new software systems. Increased maintainability, improved design, reduced defect density, better documentation and increased code test coverage are reported as advantages that contribute to reducing the cost of development and, consequently, to increasing return on investment. All these benefits have contributed for Test-Driven Development to become an increasingly relevant practice while developing software. When evaluating test driven development from the perspective of maintaining legacy systems, we face a clear mismatch when trying to adopt this technique. Test-Driven Development is based on the premise that tests should be written before coding, but when working with legacy code we already have thousands of lines written and running. Considering this context, we discuss in this dissertation a technique, which we call Test-Driven Maintenance, that is a result of adapting Test-Driven Development to the needs of maintaining legacy systems. We describe how we have performed the adaptation that lead us to this new technique. Afterwards, we evaluate the efficacy of the technique applying it to a realistic project. To obtain realistic evaluation results, we have performed an empirical study while introducing the technique in a maintenance team working on a legacy system that is in constant evolution and use by an enterprise in Rio de Janeiro.

Descrição Arquivo
COVER, ACKNOWLEDGEMENTS, RESUMO, ABSTRACT AND SUMMARY  PDF
CHAPTER 1  PDF
CHAPTER 2  PDF
CHAPTER 3  PDF
CHAPTER 4  PDF
CHAPTER 5  PDF
CHAPTER 6  PDF
REFERENCES  PDF
Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui