INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Estatísticas | Formato DC



Título: PROJETO PEDAGÓGICO DOS CURSOS DE FISIOTERAPIA DA REGIÃO NORTE À LUZ DAS DIRETRIZES CURRICULARES NACIONAIS: (DES)CAMINHOS DA ADERÊNCIA, POTENCIALIDADES E FRAGILIDADES
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): RENATO DA COSTA TEIXEIRA

Colaborador(es):  ALICIA MARIA CATALANO DE BONAMINO - Orientador
ELIZABETH TEIXEIRA - Coorientador
Número do Conteúdo: 15780
Catalogação:  18/06/2010 Idioma(s):  PORTUGUÊS - BRASIL

Tipo:  TEXTO Subtipo:  TESE
Natureza:  PUBLICAÇÃO ACADÊMICA
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=15780@1
Referência [en]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=15780@2
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.15780

Resumo:
Após a aprovação das Diretrizes Curriculares Nacionais para os cursos de Fisioterapia (DCN/FISIO), houve um aumento expressivo no número de cursos de graduação em fisioterapia, especialmente em instituições particulares. A Região Norte apresentou a maior taxa de crescimento desses cursos no Brasil, entre 1999 e 2004. Até 2002, ano de aprovação das DCN/FISIO, existiam apenas seis cursos nesta região. Atualmente, existem 27 cursos de fisioterapia, dos quais apenas quatro (15%) mantidos por instituições públicas e 23 (85%) por instituições privadas. Aliado a este aumento no número de cursos, o perfil de graduação definido nas DCN/FISIO mudou o paradigma de formação profissional do fisioterapeuta, originalmente baseado na formação do indivíduo especialista em técnicas fisioterapêuticas curativas e/ou reabilitativas. A partir das DCN/FISIO busca-se a formação de um indivíduo com competência técnico-científica, generalista e humanista, com capacidade crítica e reflexiva, preparado para atuar no processo saúde-doença pautado em princípios éticos. Segundo a DCN/FISIO, os cursos já implantados em 2002 tiveram prazo de dois anos após sua aprovação para se ajustarem à nova diretriz. Este contexto, de mudança e expansão da oferta de formação do fisioterapeuta, justifica a presente pesquisa, que toma como objeto de estudo os Projetos-Pedagógicos de Curso (PPC) dos cursos de fisioterapia, tendo como o objetivo geral analisar a aderência dos cursos de fisioterapia da região Norte às DCN/FISIO. Para tal, realizamos uma análise crítica dos PPC, com base na metodologia utilizada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP), em 2006, no estudo sobre a aderência às Diretrizes Curriculares de outros cursos da área da saúde, tais como os de Enfermagem, Medicina e Odontologia. Visitamos, também, as instituições que apresentaram maior e menor aderência às DCN/FISIO e entrevistamos os coordenadores dos cursos de Fisioterapia, com a finalidade de conhecer como está ocorrendo a implantação dos elementos destacados como pontos fortes e que estratégias vêm sendo usadas por esses cursos para superar as fragilidades. Entre os achados do estudo destacamos, como pontos fortes dos cursos da Região Norte, aspectos tais como: a construção coletiva dos Projetos Pedagógicos, a construção interdisciplinar da matriz curricular e/ou a utilização de metodologias que propiciam esta prática, assim como a integração entre teoria e prática, a presença de mecanismos de controle do Trabalho de Conclusão de Curso, uma maior abrangência das áreas de atuação profissional durante o estágio supervisionado, o incentivo à produção científica, o equilíbrio entre as cargas horárias dos conteúdos essenciais e a presença de regulamento das atividades complementares. Por sua vez, destacamos como fragilidades: o indicativo de que o Projeto Pedagógico foi construído em grupos restritos, a transcrição literal de elementos das DCN/FISIO no Projeto Pedagógico, a utilização de metodologias de ensino não condizentes com a perspectiva de formação das DCN/FISIO, a ausência de interdisciplinaridade, de integração teoria-prática e de elementos que demonstrem a organização e acompanhamento do Trabalho de Conclusão de Curso, a ênfase posta no aprendizado técnico em detrimento do aprendizado humano e, a pouca de abrangência de áreas de atuação profissional durante o estágio supervisionado, além das inconsistências identificadas entre o texto do PPC e a realidade dos cursos visitados.

Descrição Arquivo
CAPA, AGRADECIMENTOS, RESUMO, ABSTRACT, SUMÁRIO E LISTAS  PDF
CAPÍTULO 1  PDF
CAPÍTULO 2  PDF
CAPÍTULO 3  PDF
CAPÍTULO 4  PDF
CAPÍTULO 5  PDF
CAPÍTULO 6  PDF
CAPÍTULO 7  PDF
CAPÍTULO 8  PDF
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS E APÊNDICES  PDF
Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui