INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Estatísticas | Formato DC



Título: DEFINIÇÃO DA ÁRVORE DE CENÁRIOS DE AFLUÊNCIAS PARA O PLANEJAMENTO DA OPERAÇÃO ENERGÉTICA DE MÉDIO PRAZO
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): DEBORA DIAS JARDIM PENNA

Colaborador(es):  REINALDO CASTRO SOUZA - Orientador
MARIA ELVIRA PINEIRO MACEIRA - Coorientador
Número do Conteúdo: 14867
Catalogação:  08/01/2010 Idioma(s):  PORTUGUÊS - BRASIL

Tipo:  TEXTO Subtipo:  TESE
Natureza:  PUBLICAÇÃO ACADÊMICA
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=14867@1
Referência [en]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=14867@2
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.14867

Resumo:
No modelo atualmente utilizado para o planejamento da operação de médio prazo do Sistema Interligado Nacional, a incerteza referente às afluências é considerada explicitamente no cálculo de valores da função de custo futuro bem como ao se percorrer o espaço de estados através da utilização de cenários hidrológicos multivariados. O conjunto de todas as possíveis realizações do processo estocástico de afluências, ao longo de todo horizonte de planejamento, forma uma árvore de cenários. Esta árvore representa todo o universo probabilístico sobre o qual é efetuado o processo de otimização da operação energética. Como a árvore possui uma cardinalidade bastante elevada, torna-se impossível do ponto de vista computacional percorrer completamente a árvore. Portanto, apenas uma porção da árvore (sub-árvore) é percorrida. Atualmente a sub-árvore é definida utilizando amostragem aleatória simples. Este trabalho tem o objetivo de propor um método para a definição da sub-árvore a ser visitada durante o processo do cálculo da política ótima de operação por programação estocástica dual com o intuito de tornar mais robusto os resultados obtidos por esta política de operação em relação a variações no número de cenários das simulações forward e backward e em relação a variações da amostra de cenários hidrológicos utilizada. Duas propostas são aplicadas na definição da sub-árvore: (i) utilizar a amostragem por hipercubo latino ou amostragem descritiva no modelo de geração de cenários hidrológicos multivariados, e (ii) aplicar técnicas estatísticas multivariadas capazes de agrupar objetos similares em determinados grupos (técnicas de agregação). Estas propostas podem ser aplicadas separadamente ou em conjunto.

Descrição Arquivo
CAPA, AGRADECIMENTOS, RESUMO, ABSTRACT, SUMÁRIO E LISTAS  PDF
CAPÍTULO 1  PDF
CAPÍTULO 2  PDF
CAPÍTULO 3  PDF
CAPÍTULO 4  PDF
CAPÍTULO 5  PDF
CAPÍTULO 6  PDF
CAPÍTULO 7  PDF
CAPÍTULO 8  PDF
CAPÍTULO 9  PDF
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS, APÊNDICES  PDF
Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui