INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Estatísticas | Formato DC



Título: NARRATIVAS E AVALIAÇÃO NO PROCESSO DE CONSTRUÇÃO DO CONHECIMENTO PEDAGÓGICO: ABORDAGEM SOCIOCULTURAL E SOCIOSSEMIÓTICA
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): ADRIANA NOGUEIRA ACCIOLY NOBREGA

Colaborador(es):  LUCIA PACHECO DE OLIVEIRA - Orientador
Número do Conteúdo: 13947
Catalogação:  31/07/2009 Idioma(s):  PORTUGUÊS - BRASIL

Tipo:  TEXTO Subtipo:  TESE
Natureza:  PUBLICAÇÃO ACADÊMICA
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=13947@1
Referência [en]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=13947@2
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.13947

Resumo:
O objetivo deste estudo é investigar as narrativas orais de experiências pessoais produzidas em sala de aula, enfocando esta prática discursiva como um lócus para o processo de socioconstrução do conhecimento pedagógico. A arquitetura teórica da pesquisa baseia-se na teoria sociocultural (Wertsch, [1995]2006, 2002; Daniels, 2001; Wells e Claxton, 2002), desenvolvida a partir de trabalhos de Vygotsky ([1984]1998, 2001); na perspectiva sistêmico-funcional (Halliday e Hasan, 1989; Halliday e Matthiessen, 1999; Eggins, 2004), sendo a linguagem considerada como ferramenta semiótica mediadora no processo de socioconstrução do conhecimento pedagógico; e na visão socioconstrucionista da narrativa como prática social (Bruner, 1994, 2002; Moita Lopes, 2001b; Bastos, 2004, 2008). Seis aspectos são considerados para a caracterização do discurso narrativo: integração ao discurso pedagógico, espontaneidade, não-consciência, tempo narrativo, reportabilidade e avaliação, sendo esta enfocada sob dois paradigmas teóricos: abordagens sociolinguísticas (Labov e Waletzky, 1967; Labov, 1972; Linde, 1997); e teoria da valoração (Martin, 2001, 2006; Martin e White, 2005). Fragmentos de aulas de Pragmática em um curso de pós-graduação em uma universidade do Rio de Janeiro foram selecionados como instanciações da prática narrativa. Nove alunos de mestrado, oito de doutorado, incluindo a alunapesquisadora, e uma professora participaram da pesquisa como interlocutores narrativos. A análise desenvolvida baseia-se em uma abordagem sócio-histórica como orientadora da pesquisa qualitativa (Freitas, 2002; André, 2001) e os trechos narrativos são investigados quanto à sua conexão com o discurso do conteúdo pedagógico, quanto à estrutura narrativa laboviana, e quanto a elementos avaliativos, que se mostraram altamente relevantes para a negociação e socioconstrução de conhecimento. Os resultados da análise revelam também o caráter multifuncional das práticas narrativas no contexto pedagógico, bem como características peculiares das narrativas orais produzidas em sala de aula, as quais atuam como via de mão dupla no processo de construção social do conhecimento pedagógico, uma vez que, através dos relatos de histórias particulares, a experiência constrói o conhecimento formal (instrucional/pedagógico) e este, por sua vez, ajuda na possível compreensão da experiência vivida, unindo o individual ao coletivo.

Descrição Arquivo
CAPA, AGRADECIMENTOS, RESUMO, ABSTRACT, SUMÁRIO E LISTAS  PDF
CAPÍTULO 1  PDF
CAPÍTULO 2  PDF
CAPÍTULO 3  PDF
CAPÍTULO 4  PDF
CAPÍTULO 5  PDF
CAPÍTULO 6  PDF
CAPÍTULO 7  PDF
CAPÍTULO 8  PDF
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS E ANEXOS  PDF
Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui