INFORMAÇÕES SOBRE DIREITOS AUTORAIS


As obras disponibilizadas nesta Biblioteca Digital foram publicadas sob expressa autorização dos respectivos autores, em conformidade com a Lei 9610/98.

A consulta aos textos, permitida por seus respectivos autores, é livre, bem como a impressão de trechos ou de um exemplar completo exclusivamente para uso próprio. Não são permitidas a impressão e a reprodução de obras completas com qualquer outra finalidade que não o uso próprio de quem imprime.

A reprodução de pequenos trechos, na forma de citações em trabalhos de terceiros que não o próprio autor do texto consultado,é permitida, na medida justificada para a compreeensão da citação e mediante a informação, junto à citação, do nome do autor do texto original, bem como da fonte da pesquisa.

A violação de direitos autorais é passível de sanções civis e penais.
Coleção Digital

Avançada


Estatísticas | Formato DC



Título: CONSUMIDORES DE CENOURA: SUAS PERCEPÇÕES E ATITUDES EM RELAÇÃO À CENOURA BABY
Instituição: PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO - PUC-RIO
Autor(es): CELSO DO NASCIMENTO FERREIRA

Colaborador(es):  JORGE FERREIRA DA SILVA - Orientador
Número do Conteúdo: 12767
Catalogação:  30/12/2008 Idioma(s):  PORTUGUÊS - BRASIL

Tipo:  TEXTO Subtipo:  TESE
Natureza:  PUBLICAÇÃO ACADÊMICA
Nota:  Todos os dados constantes dos documentos são de inteira responsabilidade de seus autores. Os dados utilizados nas descrições dos documentos estão em conformidade com os sistemas da administração da PUC-Rio.
Referência [pt]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=12767@1
Referência [en]:  https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/colecao.php?strSecao=resultado&nrSeq=12767@2
Referência DOI:  https://doi.org/10.17771/PUCRio.acad.12767

Resumo:
O desconhecimento da existência de pesquisas sobre o comportamento do consumidor de cenoura Baby no Brasil estimulou a realização deste estudo exploratório, o qual tem como finalidade identificar aspectos relacionados às diferenças individuais que compõem o modelo de comportamento do consumidor. Mais especificamente, ele busca revelar as percepções e atitudes do consumidor em relação à cenoura Baby, os motivos que orientam sua preferência ou rejeição e as razões que estão limitando o seu consumo. Os dados foram coletados por meio de entrevistas individuais, observação pessoal e grupos de foco e avaliados sob os modelos multiatributos de Fishbein e Ponto Ideal. Os resultados sugerem uma atitude favorável em relação à cenoura Baby, mas a preferência é pela cenoura Comum. Diferentemente desta última, que é altamente acessível a todas as classes sociais graças a sua alta disponibilidade e preço baixo, a cenoura Baby está posicionada para um público com poder aquisitivo mais elevado, que é minoria. Ela é percebida como um produto sofisticado, e consumido apenas em situações especiais. Dentre as várias hipóteses e suposições que podem ser formuladas a partir deste estudo, recomenda-se testar se a cenoura Baby é, de fato, mais saborosa que a cenoura Comum e se ela realmente desperta o interesse das crianças. Os resultados poderão sugerir mudanças na estratégia de posicionamento, de modo a atender também o público infantil e, conseqüentemente, aumentar seu market share.

Descrição Arquivo
CAPA, AGRADECIMENTOS, RESUMO, ABSTRACT, SUMÁRIO E LISTAS  PDF
CAPÍTULO 1  PDF
CAPÍTULO 2  PDF
CAPÍTULO 3  PDF
CAPÍTULO 4  PDF
CAPÍTULO 5  PDF
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS E ANEXOS  PDF
Agora você pode usar seu login do SAU no Maxwell!!
Fechar Janela



* Esqueceu a senha:
Senha SAU, clique aqui
Senha Maxwell, clique aqui